Centro de Estudos e Pesquisas da Inteligência e da Saúde Emocional (CEPISE)

O Centro de Estudos e Pesquisas da Inteligência e da Saúde Emocional – CEPISE - é um centro autônomo que recebe apoio do Grupo Educacional Augusto Cury, que tem por objetivo desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão de serviços na comunidade, atuando como colaborador em grupos de pesquisa nacionais e internacionais na área da saúde emocional, tendo por referência o diálogo da Teoria da Inteligência Multifocal de Augusto Cury com pensadores das áreas da Educação, Saúde, Administração e Comunicação Social que tragam contribuições significativas, tanto quantitativas quanto qualitativas, na aplicação de programas para o desenvolvimento da Inteligência Emocional (IE) e da qualidade de vida em contextos organizacionais, educacionais e sociais.

O CEPISE desenvolve atualmente duas linhas de investigação, em parceria com outros grupos de pesquisa no Brasil e no exterior, sendo elas: 1) Pesquisa-ação na educação em saúde; 2) Avaliação psicológica/avaliação da intervenção; 3) Análise psicolinguística do discurso e 4) Investigação da importância do lúdico no processo ensino-aprendizagem. Os pesquisadores associados do CEPISE são especialistas, mestres e doutores, das áreas de Educação, Saúde, Administração e Comunicação Social. Este grupo busca a compreensão dos processos e habilidades que fortalecem a saúde emocional e a construção de relações saudáveis nos níveis intra e interpessoais, investigando dados quantitativos e qualitativos em contextos de aplicação da Inteligência Emocional (IE) e da qualidade de vida.

Inscreva-se para participar do CEPISE

Teoria da Inteligência Multifocal

A teoria da Inteligência Multifocal (TIM) de Augusto Cury tem como objetivo estudar o complexo processo de interpretação da realidade, isto é, como percebemos a nós mesmos e o mundo. Essa investigação do processo de interpretação leva o nome de multifocal porque estuda a construção dos pensamentos em seus múltiplos aspectos, tanto conscientes, como inconscientes. O objetivo da TIM é fortalecer a consciência crítica e a capacidade gestora do EU diante dos processos inconscientes que distorcem a realidade e levam ao adoecimento emocional por conta de crenças unifocais, isto é, crenças que enxergam os eventos sob um único ângulo e, com isso, desconsideram outros aspectos vitais para as relações intra e interpessoais saudáveis. A TIM contempla em seus estudos quatro linhas: 1) A Natureza e o processo de construção dos pensamentos; 2) Os papéis conscientes e inconscientes da memória; 3) A formação do EU como líder do teatro psíquico e 4) O desenvolvimento das funções mais complexas da Inteligência, como saber expor e não impor suas ideias, saber colocar-se no lugar do outro, educar e proteger suas emoções, gerenciar os pensamentos, reeditar o filme do inconsciente, contemplar o belo, liberar a criatividade, e desenvolver inteligência existencial e resiliência, entre outros.

Saiba mais

Linhas de pesquisa

Este projeto de pesquisa visa verificar o aprendizado da gestão psíquica advinda das ferramentas da Inteligência Multifocal (TIM) na formação de professores por meio da aplicação do material pedagógico - “O EU como Autor da História: A Cidade da Memória” - do Programa Escola da Inteligência. Esse material é uma metáfora para que cada professor, na mediação das emoções com a criança, de uma maneira lúdica e divertida, possa compreender e ensinar os processos que ocorrem na mente humana, e o papel do EU, que é a consciência crítica, na liderança dos pensamentos e emoções, tornando-se, assim, o autor da sua própria história. 
Para tal objetivo, ao longo de todo o programa, os professores receberão um treinamento sobre a TIM aplicada e, acompanharão, junto com as crianças, as histórias e desafios socioemocionais dos personagens que fazem parte do conteúdo programático desse material.

Inscreva-se para participar do CEPISE